Atacante Dudu, do Palmeiras, devolveu última camisa usada por Danilo à esposa e pequeno Lorenzo

Faltando pouco mais de um mês para que a tragédia aérea com a delegação da Chape complete dois anos, o atacante Dudu foi responsável por um gesto tocante. Na...

Esportes
Por: Colunista Esportes
chapeco

Faltando pouco mais de um mês para que a tragédia aérea com a delegação da Chape complete dois anos, o atacante Dudu foi responsável por um gesto tocante. Na penúltima rodada do Campeonato Brasileiro de 2016, o Palmeiras se sagrou campeão nacional após vencer aquela Chape.

O jogo ocorreu no Allianz Parque e foi o último daquela equipe maravilhosa do Verdão do Oeste. O goleiro Danilo procurou o capitão do Palmeiras, Dudu, e pediu para trocarem camisas. O camisa 7 prontamente aceitou o pedido.

Em casa, Danilo tinha uma palmeirense. Infelizmente, a camisa nunca chegou a esposa Leticia. Em janeiro de 2017, os dois Verdões se encontraram em amistoso e Dudu fez questão de presentear Leticia e o pequeno Lorenzo com camisas e uniformes oficiais do Palmeiras.

Na concentração alviverde, Leticia e Lorenzo receberam uma surpresa: a camisa do último jogo do camisa 1 da Chapecoense. “Foi lindo o gesto dele. Hoje eu tenho comigo umas das lembranças mais lindas do Danilo… Não tenho palavras pra agradecer ao Dudu. Porque tudo o que tenho do meu marido hoje são as lindas lembranças dele. E essa ultima camisa que ele usou em campo significa muito pra mim e pro meu pequeno Lorenzo”, declarou Leticia em entrevista ao site Nosso Palestra.

ATUALIZAÇÃO (29 DE NOVEMBRO)

E essa história não acaba aqui! O pequeno Lorenzo acompanhou o empate do Palmeiras diante do Paraná, no estádio do Café, semanas atrás. E neste domingo, ele entrará de mão dada com o craque Dudu no último jogo do Brasileiro, no Allianz Parque. A mãe Leticia e o pequeno Lorenzo estarão na festa da entrega da Taça do Brasileirão, assim como Danilo esteve há dois anos.

“Que escutem em todo o continente sempre recordaremos a campeã Chapecoense”. #PraSempreLembrados 

43339399_10160025820828504_8309546589907582976_n

A história se tornou conhecida após publicação de um emocionante texto escrito pelo jornalista Mauro Beting, no Nosso Palestra.

Cristina Possamai

Natural de Turvo (SC). Jornalista formada. Aficionada pelo mundo do esporte com experiência na cobertura do Criciúma nas séries A, B e C do Brasileirão. Participação na área de Operações de Imprensa na Arena da Baixada (Curitiba) durante a Copa do Mundo de 2014 e atuação nas Olimpíadas do Rio 2016 no Maracanã e no Estádio Nilton Santos.